Uma situação que se repete e preocupa. Nos últimos meses a Empres..." /> Excesso de velocidade na madrugada preocupa EPTC - Portal Meu Bairro


Transito

Publicado em 12 de maio de 2012 | Por Redação Meu Bairro

Excesso de velocidade na madrugada preocupa EPTC

Uma situação que se repete e preocupa. Nos últimos meses a Empresa Pública de Transporte e Circulação (EPTC) tem notado que os casos de excesso de velocidade durante as madrugadas na Capital têm se tornado cada vez mais frequentes, uma situação que coloca em risco a vida de milhares de motoristas. Ainda nesta semana, em ações com o Radar Móvel na Avenida Diário de Notícias, aconteceram registros de 122, 127 e até 133 km/h, com riscos à segurança de motoristas e pedestres, pela possibilidade de graves acidentes.

Em 2011, no mês de setembro, um condutor de um carro de passeio foi flagrado a 141 km/h pelo radar móvel da EPTC. A imprudência ocorreu também na Avenida Diário de Notícias, onde a velocidade máxima permitida na é de 60km/h.

Tarciso Kasper, Gerente de Fiscalização de Trânsito da EPTC, afirma que as ações com Radar Móvel e as ações de fiscalização são diárias nas ruas da Capital, para coibir os excessos. “Infelizmente tem condutores que não medem as consequências, pisam fundo no acelerador, fazem ultrapassagens perigosas, com resultados que, infelizmente, todos nós sabemos, em feridos e mortes. As ações educativas e de fiscalização são permanentes para tentar dar um freio nestes excessos”, enfatizou.

A infração para quem realiza esse tipo de imprudência, segundo o artigo 218 do Código de Trânsito Brasileiro (CTB), é gravíssima, e a multa é de R$ 574,62. Também estão previstas a suspensão do direito de dirigir e a apreensão da carteira de habilitação.

Tags:


Sobre o autor

é composta por por cinco profissionais de comunicação. Formados em jornalismo e relações públicas, produzem matérias referentes a zona Sul de Porto Alegre e também de interesse desse público. Contato com a editora, Letícia Mellos. Jornalista formada pela Unijuí - RS



Volta para o início ↑