fbpx


Segurança

Publicado em 19 de junho de 2019 | Por Redação Meu Bairro

0

Exame comprova sêmen em “estupro do WhatsApp” e acusado é preso

A Delegacia Especializada no Atendimento à Mulher de Porto Alegre (DEAM/POA), sob a coordenação da Delegada Tatiana Barreira Bastos, prendeu preventivamente, na tarde desta terça-feira, 18, o segundo indivíduo envolvido no estupro de vulnerável ocorrido na Av. Baltazar de Oliveira Garcia, no último mês de maio. O nome do homem e sua foto frontal não foram divulgados pela Polícia Civil.

No dia 27 de maio dois homens filmaram uma mulher desacordada dentro de um veículo e espalharam o vídeo pela Internet através do WhatsApp. De acordo com a Polícia Civil, além  de abusar sexualmente da mulher que estava desacordada, os dois indivíduos subtraíram bebidas do interior do veículo.

O primeiro acusado se entregou a Justiça no início de junho. Já o segundo, que já tinha sido ouvido e negado participação no caso, teve sua prisão preventiva decretada nesta data, após ser comprovada pela perícia genética a existência de sêmen compatível com o do indiciado na manta apreendida no interior do veículo em que a vítima se encontrava. O homem foi interrogado e encaminhado ao sistema carcerário.


Sobre o autor

é composta por por cinco profissionais de comunicação. Formados em jornalismo e relações públicas, produzem matérias referentes a zona Sul de Porto Alegre e também de interesse desse público. Contato com a editora, Letícia Mellos. Jornalista formada pela Unijuí - RS



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Volta para o início ↑