fbpx


Agronomia

Publicado em 6 de fevereiro de 2019 | Por Juliana de Brites

0

Moradores que ficaram sem água em janeiro poderão adiar o pagamento da fatura

Os porto-alegrenses que ficaram sem água em janeiro poderão pagar a conta de água em outro mês. A decisão foi firmada na última terça-feira, 5, após reunião na Defensoria Pública do Estado com representantes do Departamento Municipal de Água e Esgotos (DMAE).

Na reunião, ficou estabelecido que caminhões-pipa vão atender os bairros Lomba do Pinheiro, Agronomia e arredores enquanto o abastecimento não for normalizado. O serviço será ofertado das 10h às 12h e das 18h às 20h, para amenizar os impactos causados pela falta de água.

De acordo com nota divulgada pela Defensoria Pública, o DMAE vai reler os hidrômetros dos moradores das regiões afetadas em janeiro. Com esse estudo, as faturas poderão ser suspensas até que o abastecimento seja regularizado. O Departamento vai concluir os estudos das leituras até o dia 27 de fevereiro. Nos casos em que for constatado erro no valor da cobrança, o DMAE vai emitir uma nova fatura.

Inicialmente, a Defensoria havia afirmado que os moradores afetados pela falta de água não precisariam pagar as contas de janeiro. Após, o DMAE negou ter feito esse acordo e disse que seria possível apenas adiar o prazo.

Os postos de atendimento do DMAE ficam no Centro Histórico (R. José Montaury, 159), Moinhos de Vento (R. Fernando Gomes, 183) e no bairro Cristo Redentor (R. Aliança, 70). Os moradores também podem entrar em contato com o Departamento através do telefone 156, opção 2.


Sobre o autor

é jornalista formada pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS). Contato: [email protected]



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Volta para o início ↑