A reunião de apresentação do Empreendimento Arado Velho, que deve..." /> Morador é agredido em reunião sobre empreendimento no Belém Novo - Portal Meu Bairro


Belém Novo

Publicado em julho 23rd, 2018 | Por Juliana de Brites

1

Morador é agredido em reunião sobre empreendimento no Belém Novo

A reunião de apresentação do Empreendimento Arado Velho, que deve ser construído no bairro Belém Novo, acabou com um morador agredido. O encontro aconteceu no último dia 19, no Centro de Relação Institucional (Crip) do Extremo Sul, reunindo conselheiros e delegados do Orçamento Participativo e lideranças comunitárias. A apresentação do projeto imobiliário foi marcada pela disputa entre os representantes da construtora e um grupo de moradores contrários ao empreendimento.

Para Michele Rihan Rodrigues, moradora e integrante do Movimento Preserva Belém Novo, a apresentação do projeto imobiliário foi parcial e superficial, omitindo informações importantes à população. “Eles não relataram a existência dos inquéritos civis, do inquérito criminal que investiga o crime ambiental ocasionado pelo impacto ambiental na região. Também não foi mencionada a ação civil pública que está invalidando, por decisão liminar, a validade da Lei Complementar 780/2015. Essa lei havia alterado o plano diretor para beneficiar o empreendimento. Os réus da ação são a Arado Empreendimentos Imobiliários e a Prefeitura de Porto Alegre”, explicou.

Presente na reunião, Michele relata ainda que após a apresentação do projeto, foi aberto espaço para apenas dez perguntas por parte dos moradores, o que seria insuficiente para debater o tema. “Quando esse senhor [acusado de agressão] estava no momento de fala dele, começou a acusar o morador e apoiadores da campanha Preserva Arado de levar indígenas para a fazenda para tumultuar e impedir a construção do empreendimento. Dizendo isso, ele foi se aproximando do morador dizendo ‘tu não vai me acusar’ e acabou agredindo o rapaz”, conta.

A reportagem tentou entrar em contato com a pessoa indicada pelos moradores como autor das agressões, mas ainda não obteve o seu retorno.

Entenda

A construção do empreendimento imobiliário em uma fazenda do bairro Belém Novo mobilizou a comunidade pela preservação ambiental da área. O movimento, denominado Preserva Arado Velho, defende que a construção do empreendimento é insustentável pelo impacto ambiental que causaria e move ações civis para impedir a concretização do projeto.

Leia Mais:


Sobre o autor

é jornalista formada pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS). Contato: juliana@meubairropoa.com



One Response to Morador é agredido em reunião sobre empreendimento no Belém Novo

  1. Artut says:

    Lixos gananciosos!
    Botam o lucro e o materialismo acima da vida, do comum e da natureza.

    Espero que nao consigam!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Volta para o início ↑