fbpx


Cultura

Publicado em 7 de maio de 2012 | Por Redação Meu Bairro

Moradores querem transformar antigo Fórum em Centro Cultural Zona Sul

Foto: Jacqueline Custódio

No próximo sábado, 12, moradores do Bairro Tristeza irão se reunir em um piquenique no antigo Fórum do bairro. O evento tem por objetivo conscientizar à população quanto à importância e a beleza do local, bem como falar sobre um projeto que vem tomando forma nos últimos meses e quer transformar o local em uma área de lazer para a comunidade. A iniciativa do piquenique surgiu das Oficinas Cidadania em Rede, feita pelos organizadores do site www.portoalegre.cc.

De acordo com Jacqueline Custódio, uma das organizadoras do evento, já existe, inclusive, um projeto arquitetônico, que pretende ocupar todos os quatro prédios que constituem o conjunto, com biblioteca, teatro, local para oficinas de arte, bistrô, um memorial da Zona Sul e, principalmente, do local – antigo Artesanato Guarisse, famoso no Brasil na década de 70. “Depois da saída do Fórum do local, em 2007, o local ficou abandonado, tendo sido invadido e alvo de vandalismo”, explica. Jacqueline lembra ainda que naquele ano o CCD (Centro Comunitário de Desenvolvimento) tomou a dianteira da proteção do patrimônio, através de sua presidente, Maria Ângela Pellin e, com reforço policial, retirou os invasores. O Governo do Estado do RS fez com o CCD um termo de cedência de um dos prédios, garantindo com essa ocupação a manutenção do local. Atualmente, acontecem reuniões da comunidade (CCD, RP6, entre outros grupos) e alguns eventos, que o CCD, conforme a finalidade, agenda para garantir fundos e manter a segurança e limpeza do lugar.
A ideia é fazer com que o espaço seja um local de encontro, lazer e troca de conhecimento, explica Jacqueline. “Seria realmente um centro agregador de eventos culturais, tornando-se uma referência cultural e turística para a capital”. Ela lembra ainda que essa luta já tem alguns anos, pois desde o início das obras do novo Fórum a comunidade vem se mobilizando para tomar posse do local e realizar essas melhorias. “Tal desejo ficou manifesto nos encontros preparatórios do Congresso da Cidade (ocorrido no final do ano passado), onde o projeto foi eleito como prioritário para a região”.

Os organizadores do piquenique querem que as negociações com os governos municipais e estaduais, que estão estagnadas, tenham prosseguimento nos próximos meses, para isso estão, então, utilizando essa nova ferramenta: a internet. “E parece que estamos conseguindo nosso primeiro objetivo, pois já existem cerca de 2300 pessoas “convidadas” via Facebook para o piquenique. Já é um começo!”, exalta.

Para quem quiser participar do evento, que terá início às 15h, basta acessar o link e confirmar a presença.

http://www.facebook.com/events/114277598708064/

Tags:


Sobre o autor

é composta por por cinco profissionais de comunicação. Formados em jornalismo e relações públicas, produzem matérias referentes a zona Sul de Porto Alegre e também de interesse desse público. Contato com a editora, Letícia Mellos. Jornalista formada pela Unijuí - RS



Volta para o início ↑