fbpx


Centro

Publicado em 27 de fevereiro de 2019 | Por Redação Meu Bairro

0

Professores do IPA vão à Assembleia falar sobre a greve na instituição

Professores e estudantes do Centro Universitário Metodista – IPA, de Porto Alegre, e representantes do Sindicato dos Professores (Sinpro/RS) participaram na manhã desta terça-feira, 26, da reunião ordinária da Comissão de Educação, Cultura, Desporto, Ciência e Tecnologia (CECDCT) da Assembleia Legislativa do Rio Grande do Sul para relatar sobre os problemas que levaram o corpo docente da instituição à greve por tempo indeterminado, decisão aprovada no último dia 18 de fevereiro.

O grupo expôs às deputadas Sofia Cavedon (PT), presidente da Comissão, e Luciana Genro (Psol), e aos deputados Issur Koch (PP), Sebastião Melo (MDB), Tiago Simon (MDB), Gaúcho da Geral (PSD), Sérgio Peres (PRB) e Vilmar Lourenço (PSL) a trajetória de atrasos nos pagamentos dos salários, acentuados no último período. “Neste momento, os professores ainda não receberam os 30 dias de férias e parte do salário de janeiro”, relatou Marcos Fuhr, diretor do Sinpro/RS.

“O que nos angustia é a incerteza diante deste quadro”, destacou o professor César Filomena. “Com a centralização da gestão em São Paulo, perdemos a expectativa de uma solução, uma vez que esta gestão está em completo descompasso com nossa realidade”.

Representando os estudantes, Evander Vieira Cordeiro, desabafou: “Não vemos perspectivas de formação. Não vemos perspectivas de futuro”. Cordeiro diz que os estudantes estão apoiando a paralisação dos professores.


Sobre o autor

é composta por por cinco profissionais de comunicação. Formados em jornalismo e relações públicas, produzem matérias referentes a zona Sul de Porto Alegre e também de interesse desse público. Contato com a editora, Letícia Mellos. Jornalista formada pela Unijuí - RS



Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Volta para o início ↑